TUMORES DE PELE
E PARTES MOLES

MELANOMA

O que é

O Melanoma é o tipo de câncer de pele mais raro e mais grave. Este tumor maligno que se origina nos melanócitos, células que produzem a melanina ou o pigmento da pele.

Causas

O Melanoma surge de um erro nas células produtoras de melanina, devido à herança genética e ao excesso de exposição cumulativa aos raios UV. Pacientes de fototipos de pele I e II, ou seja, de pele, cabelos e olhos claros estão mais propensos a desenvolver o câncer do tipo Melanoma.

Sintomas

É importante estar atento aos sinais que a pele apresenta e às possíveis alterações, como progressão e mudanças em lesões, pintas ou manchas já existente; coceira, sangramento e a não cicatrização de determinadas áreas da pele. Pintas assimétricas, com bordas irregulares, com tons desiguais e diâmetro maior que 6mm devem ser analisadas.

Tratamento

A remoção cirúrgica do Melanoma com margens de segurança definidas de acordo com a espessura da lesão é feita por meio da Exérese De Lesão. Em alguns casos é importante identificar e biopsiar os linfonodos (pesquisa de linfonodo sentinela) que podem evoluir com metástase regional. Caso a biópsia seja positiva e haja algum comprometimento dos linfonodos regionais (estágio III), a cirurgia é indicada para a retirada de todos os linfonodos regionais através da linfadenectomia Axilar ou Inguinal.

formulário de
contato